Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Oliveirando em Azemeis

Oliveirando em Azemeis

PROFESSOR JOÃO CARLOS GOMES DA COSTA

31.10.22 | oliveirandoemazemeis
Na plataforma do Facebook, e no dia vinte e oito de Outubro de dois mil e vinte e dois, pelas dezanove horas e quarenta e quatro minutos, EDUARDO IGLÉSIAS, na qualidade de Administrador do grupo privado Gerações-Esc.Industrial Soares Basto e Liceu Ferreira de Castro de OAZ, postou na pagina oficial deste grupo, a imagem abaixo, acompanhada do texto intitulado «PROFESSOR JOÃO CARLOS GOMES DA COSTA»
 

Hoje, dia 28 de Outubro, a Oliveirense vai realizar o Jantar Comememorativo do Centenário no Pavilhão Dr. Salvador Machado. Uma das mesas do jantar tem o nome Professor João Carlos Gomes da Costa.

udo.JoaoCosta.png

Decidi partilhar a minha alegria com todos, publicando o cartão de sócio do meu avô, que foi professor de muitos alunos do nosso grupo, na EICOA, no Colégio, no Ténis e muito mais. Este cartão faz parte do espólio do meu avô.
 
 
 
E que gerou as reacções seguintes:
 
 
- Pelas dezanove horas e quarenta e sete minutos, do dia vinte e oito de Outubro de dois mil e vinte e dois, MARIA JOAO SILVA disse: «Meu professor de tênis🎾😍»
 
- Pelas dezanove horas e quarenta e oito minutos, do dia vinte e oito de Outubro de dois mil e vinte e dois, RICARDO BASTOS disse: «Só não entendo como o memorial dos 100 anos não tem o Ténis representado. E o Atletismo também. Destas eu lembro. Nada contra o Padel, mas essa modalidade tem alguns meses e tem direito a lá estar, assim como todas as que o Clube teve ao longo dos 100 anos. Mereciam. História é história...»
 
- Pelas dezanove horas e cinquenta minutos, do dia vinte e oito de Outubro de dois mil e vinte e dois, PAULA LOPES QUINTAL disse: «As primeiras raquetadas de ténis foi com este ‘Mister’ tão querido e especial.. ☺️☺️☺️»
 
- Pelas dezanove horas e cinquenta e oito minutos, do dia vinte e oito de Outubro de dois mil e vinte e dois, ILIDIO TEIXEIRA GUIMARAES disse: «Meu treinador de futebol na UDO»
 
- Pelas vinte horas, do dia vinte e oito de Outubro de dois mil e vinte e dois, MARIACONCEICAO TAVARES disse: «Professor da Eicoa.»
 
- Pelas vinte horas e dois minutos, do dia vinte e oito de Outubro de dois mil e vinte e dois, MANUEL RAMOS disse: «Ricardo Bastos... como é óbvio!!! Há coisas que não se entendem...»
 
- Pelas vinte horas e dezasseis minutos, do dia vinte e oito de Outubro de dois mil e vinte e dois, ANTONIO CAMPOS disse: «Ricardo Bastos e o Andebol.»
 
- Pelas vinte horas e vinte minutos, do dia vinte e oito de Outubro de dois mil e vinte e dois, RICARDO BASTOS disse: «Antonio Campos, tinha ideia mas não tinha a certeza... Mas acredito que hajam mais.»
 
- Pelas vinte horas e vinte minutos, do dia vinte e oito de Outubro de dois mil e vinte e dois, ANTONIO CAMPOS disse: «Ricardo Bastos, joguei vários anos Andebol na Oliveirense.»
 
- Pelas vinte horas e vinte e um minutos, do dia vinte e oito de Outubro de dois mil e vinte e dois, PAULO ALEGRIA disse: «Ricardo Bastos muita razão. O Tênis deve ter sido uma das primeiras secções da UDO e o meu saudoso Professor foi o grande pioneiro desta modalidade no Norte do País. Esta gente nova faz o mais fácil nem sequer se preocupa a saber a verdadeira história.»
 
- Pelas vinte horas e vinte e seis minutos, do dia vinte e oito de Outubro de dois mil e vinte e dois, MIGUEL NUNES DA SILVA disse: «Aproveito e também partilho a do meu avô»
 
Pode ser uma imagem de 1 pessoa e texto que diz "UNIÃO DESPORTIVA OLIVEIRENSE (AGREMIAÇÃO DE DESPORTOS) FUNDADA EM 1922 OLIVEIRA DE AZEMEIS Nome Cartão de Identidade N.o MANUEL NUNES DA SILVA sócio Efectivo Cargo 183 COTAS 183 ဝ PRESIDENTE,"
 
- Pelas vinte horas e vinte e seis minutos, do dia vinte e oito de Outubro de dois mil e vinte e dois, MIGUEL NUNES DA SILVA disse:
 
Nenhuma descrição de foto disponível.
 
 
- Pelas vinte horas e vinte e oito minutos, do dia vinte e oito de Outubro de dois mil e vinte e dois, SANDRA LUISA MARTINS disse: «Meu primeiro professor de ginástica!»
 
- Pelas vinte horas e trinta e seis minutos, do dia vinte e oito de Outubro de dois mil e vinte e dois, CARLOS CUNHA disse: «Ricardo Bastos parece-me que: a) há muito desconhecimento da história de 100 anos da UDO; ou, b) há alguma intenção de obscurecer essa longa vida de 100 anos.
Curioso é que me mandam sms e e-mails a pedir para não esquecer pagar as quotas, etc. com o pagamento em dia (não resido em O.Azeméis) e não me lembro de um sms a dizer que estavam abertas as inscrições para o jantar comemorativo...»
 
- Pelas vinte horas e trinta e setes minutos, do dia vinte e oito de Outubro de dois mil e vinte e dois, CARLOS FLORES disse:

BatePalmas.png

 
- Pelas vinte horas e trinta e sete minutos, do dia vinte e oito de Outubro de dois mil e vinte e dois, BENTO QUEIROZ disse: «Paula Lopes Quental, as minhas também aos 8 anos de idade pena terem sido muito poucas por opção (hóquei em patins)»
 
- Pelas vinte horas e quarenta e seis minutos, do dia vinte e oito de Outubro de dois mil e vinte e dois, CARLOS FLORES disse: «Miguel Nunes da Silva, Ainda miúdo, meus pais tomavam com o avô o seu café no Lusitano do sr. Belarmino. Eu e a minha irmã.. Como exigia o avô um batido de banana para cada um. O seu avô era um senhor. Recordo o com a idade de 10 anos. Com esta nao estava a espera!!! ..... O sr. Silva Africanista, de Alviaes, como era conhecio em 1959 do séc. Passado.»
 
- Pelas vinte horas e quarenta e nove minutos, do dia vinte e oito de Outubro de dois mil e vinte e dois, MIGUEL NUNES DA SILVA disse: «Carlos Flores, sim o meu avô era um frequentador assíduo do café Lusitano»
 
- Pelas vinte horas e quarenta e nove minutos, do dia vinte e oito de Outubro de dois mil e vinte e dois, FILOMENA MARIA SANTOS COSTA disse: «Meu professor, excelente pessoa, muito humano.»
 
- Pelas vinte e uma horas e vinte e tres minutos, do dia vinte e oito de Outubro de dois mil e vinte e dois, MARIA ODETE OLIVEIRA disse: «Carlos Flores, não sabia que o meu Avô era conhecido por Sr. Silva Africanista!!! É curioso!!!»
 
- Pelas vinte e uma horas e vinte e oito minutos, do dia vinte e oito de Outubro de dois mil e vinte e dois, CARLOS FLORES disse: «Pois podem crer que é verdade. Conheci vossos pais ainda jovens, cheguei a brincar com os vossos primos o António Carlos, e o Fernando. Apenas tive conhecimento que o meu bom. amigo António Carlos faleceu em combate.... E nada mais soube a familia a não ser o Miguel.»
 
- Pelas vinte e uma horas e cinquenta e tres minutos, do dia vinte e oito de Outubro de dois mil e vinte e dois, MADALENA SILVA disse: «Era um ser Humano muito bom, fomos vizinhos, amigos e sempre respeitador com os outros. Tenhos muito boas recordações dele. Deus o tenha em eterno descanso.»
 
- Pelas vinte e tres horas e dezasseis minutos, do dia vinte e oito de Outubro de dois mil e vinte e dois, MIGUEL G. SILVA PEREIRA disse: «Carlos Cunha, Em relacao aos SMS. informo de que recebi um a informar da realizacao do jantar. Transcrevo na integra o dito SMS. ..................... . Boa tarde, relembramos que no proximo dia 28 de Outubro a nossa Uniao Desportiva Oliveirense comemora 100 anos, para tal estamos a organizar um jantar de comemoracao... nao se esqueca de marcar a sua presenca ate ao dia 20 de Outubro. Com os melhores cumprimentos UDO.
 
Amigo Carlos Cunha, espero ter ajudado na duvida que tinha. Abraco
PS. infelizmente e com muita pena minha nao pude estar fisicamente presente, pois encontro-me no Estrangeiro.»
 
- Pelas vinte e tres horas e dezassete minutos, do dia vinte e oito de Outubro de dois mil e vinte e dois, DAVID CARVALHO disse: «Meu professor de educação física na EICOA»
 
- Pelas zero horas e treze minutos, do dia vinte e nove de Outubro de dois mil e vinte e dois, CARLOS AFONSO disse: «Ricardo Bastos, e o ténis de mesa? Esqueceram?»
 
- Pelas zero horas e catorze minutos, do dia vinte e nove de Outubro de dois mil e vinte e dois, RICARDO BASTOS disse: «Carlos Afonso, Vou completando a lista...»
 
- Pelas zero horas e quinze minutos, do dia vinte e nove de Outubro de dois mil e vinte e dois, JOSE MARTINS disse: «Foi meu professor de Ginástica 👍👌»

BatePalmas.png

 
- Pelas seis horas e quatro minutos, do dia vinte e nove de Outubro de dois mil e vinte e dois, NUNO MARQUES disse: «Meu professor»
 
- Pelas dez horas e oito minutos, do dia vinte e nove de Outubro de dois mil e vinte e dois, JOAO MIGUEL MARTINS disse: «O famoso Ti Carlinhos...»
 
- Pelas onze horas e vinte minutos, do dia vinte e nove de Outubro de dois mil e vinte e dois, CARLOS CUNHA disse: «Miguel G. Silva Pereira, eu não disse que não enviaram...disse que não eu não tinha recebido. Ao demais tudo pela UDO, apesar de ultimamente, parece-me, ter vindo a perder a ligação identitária à comunidade oliveirense a que nos tínhamos habituado desde os nossos tempos de infância. Os tempos vão-se modificando, é certo, mas por detrás de um emblema há história me merece ser preservada.»
 
- Pelas doze horas e vinte e tres minutos, do dia vinte e nove de Outubro de dois mil e vinte e dois, MARIA ODETE OLIVEIRA disse: «Carlos Flores, sim o meu saudoso irmão António Carlos faleceu, com 33 anos, a lutar pelo seu ideal!!! Fico de coração cheio quando “encontro” algum amigo dos meus irmãos!!! O Qimnel, nosso irmão mais velho que o António Carlos 3 anos, deverá também ter conhecido, também já faleceu! Fiquei eu, a mais velha desta geração de Primos, netos do Sr. Silva Africanista!!!!»
 
- Pelas dezassete horas e vinte e cinco minutos, do dia vinte e nove de Outubro de dois mil e vinte e dois, JOSE HENRIQUE COSTA SOUSA disse: «Muito justa a homenagem.»
 
- Pelas sete horas e dezassete minutos, do dia trinta e um de Outubro de dois mil e vinte e dois, ISMAEL VELHAS disse: «Foi uma honra ter sido aluno do professor João Carlos. Um HOMEM com H GRANDE. Respeitável. Extrema educação. Ensinando sempre para que fosse sempre melhorando. Saudades dele dando aulas no colégio»
 
- Pelas vinte e duas horas e tres minutos, do dia trinta e um de Outubro de dois mil e vinte e dois, FERNANDO PEGAS disse: «Verdade Carlos Cunha. E o que mais me incomoda, é precisamente a PERDA DE IDENTIDADE. Em que o melhor exemplo, é o que está a acontecer com as várias Formaçãos UDO, com uma maior incidencia na Formação do Hoquei em Patins. Em que estão a "mandar embora" os jovens nascidos no concelho oliveirense. E esta "realidade" está a passar ao lado de muitos oliveirenses em geral e dos unionistas em particular.»
 
 
   <<< xxx >>>   
 
 
Na plataforma do Facebook, e no dia vinte e oito de Outubro de dois mil e vinte e dois, pelas vinte e uma horas e vinte e nove minutos, o Administrador do grupo privado OLIVEIRANDO ... EM AZEMÉIS, partilhou na sua pagina oficial, o post acima do grupo Gerações-Esc.Industrial Soares Basto e Liceu Ferreira de Castro de OAZ, em homenagem ao «PROFESSOR JOÃO CARLOS GOMES DA COSTA».
 
 
E que gerou as reacções seguintes:
 
- Pelas vinte horas e cinquenta e sete minutos, do dia trinta de Outubro de dois mil e vinte e dois, MANUEL SILVA disse: «Tive o prazer de conviver e aprender com o Prof João Carlos no corte de terra batida que existia no Carlos Osório. Era um Senhor.»
 
- Pelas dez horas e trinta e dois minutos, do dia trinta de Outubro de dois mil e vinte e dois, ORLANDINO MANUEL disse: «No meu tempo chamava-se " Escola Industrial e Comercial de Oliveira de Azeméis "»
 
 
 
Fernando Pêgas / Actualizado em 31-10-2022 às 23:00
 

OS "CRÍTICOS DAS REDES SOCIAIS" também estiveram presente no discurso presidencial

31.10.22 | oliveirandoemazemeis

Na Plataforma do Facebook, e no dia vinte e seis de Outubro de dois mil e vinte e dois, pelas vinte e horas e trinta e cinco minutos, o Administrador do grupo privado OLIVEIRANDO :.. EM AZEMÉIS postou na pagina oficial, a imagem abaixo, acompanhada do texto «Felizmente que, a União Desportiva Oliveirense é muito ... mas muito mais, do que os actuais dirigentes

(que hoje mostraram à sociedade oliveirense, algumas das suas fragilidades executivas ... e por via disso mesmo, "quase" que entregaram-se à dependência de uma "claque" actual).

Udo.MarcoInauguracao.png

Ao pedirem publicamente a uma "claque" ... que esta faça o trabalho que compete ao Órgão Executivo, nomeadamente o de MOBILIZAR MAIS GENTE para o apoio às equipas das várias modalidades.
 
Este gesto do orgao do executivo, revela bem a quem está entregue (ou mal entregue) a gestão executiva do maior clube representativo do concelho de Oliveira de Azeméis.
 
Uma vez que, a "mobilização" em torno do projecto centenário União Desportiva Oliveirense, tem de ser da iniciativa do Executivo (e não de uma qualquer claque).
 
Por outro lado, há urgência em alterar os Estatutos, que impede a existencia de "Massa Crítica" (e de Democracia) no interior da instituição.
 
Pois, sem esta "Massa Critica" (e de Democracia) não há maneira de se trilhar o caminho da evolução e da modernidade necessárias.
 
 
E que gerou as reacções seguintes:
 
 
- Pelas vinte e uma horas e trinta e um minutos, do dia vinte e seis de Outubro de dois mil e vinte e dois, MANUEL SILVA disse: «Vamos sempre a tempo de uma candidatura... meu caro saia do conforto e venha assumir a sua responsabilidade de sócio. Ou é um problema pessoal!»
 

 

- Pelas vinte e tres horas e sete minutos, do dia vinte e seis de Outubro de dois mil e vinte e dois, MANUEL SILVA disse: «Manuel Silva, Não, não é nenhum problema pessoal (Pois, nenhum dos dirigentes actuais ou passados, me destrataram ou desconsideraram. Que fique bem claro!).

Manuel Silva, É tão sómente um PROBLEMA ESTATUTÁRIO (Art. 19º - Não podem ser sócios as pessoas que tenham sido afastadas de outra agremiação desportiva, recreativa ou cultural, ou aqueles que tenham contribuído para diminuir o bom nome da U.D.O. ), que se torna de uma pertinência DEMOCRÁTICA latente, tendo em conta a promoção de CAMPANHA DE ANGARIAÇÃO DE SÓCIOS, que arrancou hoje, precisamente.

 

- Pelas zero horas e cinquenta e cinco minutos, do dia vinte e sete de Outubro de dois mil e vinte e dois, MANUEL SILVA disse: «Fernando Pegas, fico satisfeito pela honestidade. Nada de pessoal contra esta direção.!

Então, onde se enquadra este Art 19 ?

Não acha que esta direção ao avalizar milhares de euros para obras do clube não o tornou maior? Não esquecendo que foram eleitos democráticamente. Abraço»

 

- Pelas uma hora e cinco minutos, do dia vinte e sete de Outubro de dois mil e vinte e dois, FERNANDO PEGAS disse: «Manuel Silva, e a Democracia ... aonde fica? Não basta haver eleições democraticas. Também é necessário o exercicio da LIBERDADE DE EXPRESSÃO!

Porque por muito que "custe a muitos", a União Desportiva Oliveirense é dos seus associados. E nunca de um qualquer "DONO" (accionistas).

Senão andamos todos enganados por "eleitos democraticos" Abraço.»

 

- Pelas uma hora e oito minutos, do dia vinte e sete de Outubro de dois mil e vinte e dois, FERNANDO PEGAS disse: «Manuel Silva, então ...

Em vez de promoverem Campanhas de Angariação de Novos Sócios, que façam Campanhas de Angariação de Novos Donos (Accionistas).»

 

- Pelas nove horas e cinco minutos, do dia vinte e sete de Outubro de dois mil e vinte e dois, ALBERTO PEREIRA disse: «A importância das claques surge quase sempre pelo alheamento dos sócios. Acaba por ser um ciclo vicioso: Os sócios abstêm-se, as claques aparecem, as claques dominam, os sócios afastam-se. É um problema geral...

Sou sócio da UDO e estou de acordo que compete á direção encontrar estratégias para motivar os sócios a aproximarem-se do clube, embora considere que não é uma tarefa fácil. Cabe-nos também essa responsabilidade.
 
Apesar de tudo deixo o meu apreço á direção da nossa querida UDO, pelo trabalho que tem sido desenvolvido: futebol a nível superior, hóquei em patins e basquetebol ao mais alto nível, natação, ciclismo... Temos que valorizar este trabalho, ou então não o merecemos.
 

 

- Pelas nove horas e quarenta e tres minutos, do dia vinte e sete de Outubro de dois mil e vinte e dois, JOÃO AZEVEDO disse: «Tenho lido tantas críticas à atual Direção, no entanto não aparece mais ninguém para concorrer. Porque será?»

 

- Pelas treze horas e tres minutos, do dia vinte e sete de Outubro de dois mil e vinte e dois, MANUEL SILVA disse: «Fernando Pêgas, eu até o compreendo, mas se não forem os tais " acionistas ".... ! no fundo aqueles que vão a conta própria buscar dinheiro pessoal e põe no no clube.

Relativamente a liberdades de expressão em todas as assembleia em que estive presente nunca vi ninguém amordaçado. Abraço»

 

<<< xxx >>>

 

Na Plataforma do Facebook, e no dia vinte e nove de Outubro de dois mil e vinte e dois, pelas catorze horas e cinquenta minutos, o Administrador do grupo privado OLIVEIRANDO :.. EM AZEMÉIS postou na pagina oficial, o video

http://videos.sapo.pt/aOSzqOT5sgrP0yb8Jcg2?jwsource=fb&fbclid=IwAR0MQyp7oTR9XxbYAKfCqTH64oi18U7GSQs3hYtMJa6pIepD_y6KoyRotlU

e a imagem abaixo, acompanhada do texto «E PARA SURPRESA GERAL ...

OS "CRÍTICOS CATEDRÁTICOS DAS REDES SOCIAIS" (embora ausentes do evento com 450 pessoas), também estiveram presentes no discurso do Presidente Executivo Horacio Bastos (visivelmente "agastado" com os críticos catedraticos).

UDO.Criticos.png

 

<<< xxx >>>

 

- Pelas zero horas e quarenta e seis minutos, do dia trinta de Outubro de dois mil e vinte e dois MANUEL SILVA disse: «Meu caro Fernando admiro a sua persistência na crítica negativa... mas o bolo estava excelente ... o repasto ótimo... só houve uma coisa negativa... aí dou lhe a mão a palmatória... faltou a mesa número 48 a mesa dos críticos que quase ou nada fazem pelo clube que já atingiu um século»

- Pelas doze horas e onze minutos, do dia trinta de Outubro de dois mil e vinte e dois MARCO SILVA disse: «Como foi possível o Sr. Fernando não ter estado presente neste grandioso evento... 🥱🥱🥱»

- Pelas treze horas e quarenta e um minutos, do dia trinta de Outubro de dois mil e vinte e dois FERNANDO PEGAS disse: «Marco Silva, quer saber mesmo? É simples ... Como forma de protesto. E sei de mais uns quantos, que tambem não foram, pela mesma razão.»

- Pelas treze horas e quarenta e oito minutos, do dia trinta de Outubro de dois mil e vinte e dois MARCO SILVA disse: «Fernando Pegas, se toda a gente protestar como você protesta, todos parecem os Velhos do Restelo a protestar 😂»

- Pelas dezasseis horas e um minutos, do dia trinta de Outubro de dois mil e vinte e dois FERNANDO PEGAS disse: «Meu caro Manuel Ramos, começo por respeitar a tua análise ou perspectiva analitica de "...critérios!!!".

Mas, não posso concordar.

Porque, na qualidade de "Velho do Restelo" ... (como o "jovem" Marco Silva me denominou desrespeitosamente, em virtude de não me conhecer de lado nenhum), tenho sérias dificuldades em aceitar "por concordância" com certos episódios que possam conduzir a qualquer tipo de BRANQUEAMENTO DA NOSSA MEMÓRIA COLECTIVA e/ou episódios que possam conduzir a qualquer tipo de APAGAMENTO PARCIAL OU TOTAL DA HISTÓRIA DOS 100 ANOS DA UNIÃO DESPORTIVA OLIVEIRENSE.

E ainda por cima, quando certos episódios já são reincidentes, como é o caso concreto em apreço. Pois, episódio idêntico ou semelhante aconteceu na quarta feira passada, aquando da Inauguração do Marco Centenário, em que as simbologias de certas modalidades já praticadas, simplesmente foram OMITIDAS ou NÃO RECONHECIDAS.

Isto para mim, É APAGAR PARTE DA HISTÓRIA DOS 100 ANOS DA UDO e/ou da NOSSA MEMÓRIA COLECTIVA. Obviamente, que não me calarei. Disse.»

 

   Artigo/Post relacionados   

 

udo.Historico.png

https://oliveirandoemazemeis1.blogs.sapo.pt/do-centenario-da-udo-por-sara-almeida-264091

 

Fernando Pêgas / Actualizado em 01-11-2022 às 17:03

Avô Osório

31.10.22 | oliveirandoemazemeis

Na plataforma do facebook, e no dia vinte e oito de Outubro de dois mil e vinte e dois, pelas vinte e duas e vinte e oito horas, LUIS OSORIO postou na sua pagina pessoal, a imagem abaixo, acompanhada do texto «Avô Osório».

LuisOsorio.png

Que gerou as reacções seguintes:

- Pelas vinte e duas horas e trinta e cinco minutos, no dia vinte e oito de Outubro de dois mil e vinte e dois, MONICA CARVALHO disse: «Bem podes ter orgulho!  Beijinho Luís»

- Pelas vinte e duas horas e trinta e sete minutos, no dia vinte e oito de Outubro de dois mil e vinte e dois, XANA CONDE BETA disse:

«❤️❤️❤️»

- Pelas vinte e duas horas e cinquenta e seis minutos, no dia vinte e oito de Outubro de dois mil e vinte e dois, CONCEICAO FERREIRA disse: «Que grande homem! Grande ser humano. Lembro dele como se fosse hoje. Um orgulho para a família e para Oliveira de Azeméis.»

- Pelas zero horas e oito minutos, no dia vinte e nove de Outubro de dois mil e vinte e dois, JOÃO LOURENÇO disse: «Uma referência que perdurará.»

- Pelas duas horas e um minuto, no dia vinte e nove de Outubro de dois mil e vinte e dois, LUIS FILIPE BASTOS OLIVEIRA disse:«Grande Benemérito Oliveirense.  Fiquei nessa mesa no jantar de centenário da UDO. É um orgulho ser neto desse Ilustre Oliveirense Forte abraço»

- Pelas tres horas e trinta e dois minutos, no dia vinte e nove de Outubro de dois mil e vinte e dois, VICTOR HUGO MACIEL FERNANDES disse: «Um abraço Luisinho! ❤️»

- Pelas oito horas e nove minutos, no dia vinte e nove de Outubro de dois mil e vinte e dois, MARGARIDA DORIA OSÓRIO BORGES disse: «Maravilha o meu Tio Avô que me dava mimos quando chegava em viagem. Sempre doce, elegante e muito bem vestido. O presépio na sala do piano, os presentes.   A quantidade de primos com quem brinquei são memórias de ouro. Abraço a todos»

- Pelas oito horas e trinta e oito minutos, no dia vinte e nove de Outubro de dois mil e vinte e dois, MARGARIDA DORIA OSÓRIO BORGES disse: «Luís fui a essa inauguração e achei fantástico»

- Pelas nove horas e trinta e nove minutos, no dia vinte e nove de Outubro de dois mil e vinte e dois, ODETE PINHO disse: «Uma referência para os Oliveirenses!!! Um homem muito à frente para sua época. Paz à sua alma.»

- Pelas nove horas e cinquenta e dois minutos, no dia vinte e nove de Outubro de dois mil e vinte e dois, ALBERTO CARVALHO disse: «Grande homem obrigada foto»

- Pelas dez horas e trinta e seis minutos, no dia vinte e nove de Outubro de dois mil e vinte e dois, JOSE MANUEL FIGUEIREDO disse: «Grande empreendedor. Homem de fino trato. Bem te podes orgulhar do teu avô. Um abraço, Luís!»

- Pelas dez horas e trinta e seis minutos, no dia vinte e nove de Outubro de dois mil e vinte e dois, JOAQUIM MARTINS disse: «Convivi muitas vezes com ele, na minha juventude. Partilhei muito da casa dele, pelas afinidades que tinha com os teus primos. Recordo-me perfeitamente desses tempos, em que me trás muitas saudades... Tinhas um avô, de um trato muito afável, e uma pessoa muito respeitável. Gostei muito de o conhecer.»

 

Fernando Pêgas / Actualizado em 31-10-2022 às 14:31

... Mas tinha que dizer isto !!

31.10.22 | oliveirandoemazemeis

Na plataforma do facebook, e no dia trinta e um de Outubro de dois mil e vinte e dois, pelas treze horas e quarenta e quatro minutos, o Administrador do grupo OLIVEIRANDO ... EM AZEMÉIS postou na sua pagina oficial, as imagens abaixo, acompanhadas do texto «A MÚSICA DO HINO DA OLIVEIRENSE ... "passou" (tocou ou foi reproduzida) no Jantar do Centenário da União Desportiva Oliveirense.

HinoOliveirense1.png

MAS, OBVIAMENTE, QUE NÃO FOI A MESMA COISA ... se o Hino da Oliveirense tivesse sido tocado e/ou cantado "de viva voz" pelo seu autor Rui Amorim.

HinoOliveirense1a.png

 
POIS, NÃO É A DOIS, TRÊS OU QUATRO DIAS DA REALIZAÇÃO DO EVENTO ... que se aborda o Autor do Hino da Oliveirense, para estar presente no evento do Jantar do Centenário.
 
POR MUITO QUE CUSTE AOS
"LABORIOSOS" DIRIGENTES DA
UNIÃO DESPORTIVA OLIVEIRENSE
(QUE ESTIVERAM A "MIL POR CENTO"
NA ENTREGA E DISPONIBILIDADE PARA
QUE TUDO CORRESSE PELO MELHOR) ...
 
este episódio do "Hino da Oliveirense" é um bom exemplo
de Falta ou de Má Organização, entre outros exemplos
que foram visíveis a "olho nu".
 
PEÇO DESCULPA ...
 
por ir contra a corrente da maioria das opiniões
que manifestaram e/ou rotularam o evento do
Jantar Comemorativo, com uma "Boa Organização" ...
 
MAS TINHA QUE DIZER ISTO !!
 
 
 
Fernando Pêgas / Actualizado em 31-10-2022 às 14:31

Do Centenário da UDO (por Sara Almeida Silva)

31.10.22 | oliveirandoemazemeis

Na plataforma do facebook, no dia trinta de Outubro de dois mil e vinte e dois, pelas vinte e uma horas e quarenta e dois minutos, SARA ALMEIDA SILVA postou na sua pagina pessoal, a imagem abaixo, acompanhada do texto intitulado «Do Centenário da UDO»

Calma, calma…

não são odes ao meu facebook em AG

que me fazem estar em silêncio…

312388912_5730388520355554_2423348791165801329_n.j

O programa das comemorações do centenário da UDO, anunciado pelo clube, chegou hoje ao fim. Sem que tal sucedesse, seria imprudente comentar o que fosse sobre estas comemorações.

Em primeiro lugar, ainda bem que houve comemorações! Agradeço a todos aqueles que contribuíram para que tal acontecesse. Claro que, à semelhança de outras pessoas, gostava que estas comemorações tivessem sido pensadas com mais tempo, por uma comissão que, envolvendo pessoas dos órgãos sociais, também envolvesse outras pessoas com visões diferentes, sim, porque a visão “diferente” faz falta à Oliveirense, mas sobretudo porque, condizendo o Centenário com ano eleitoral, podia tornar-se curto o tempo para programar as comemorações. E sim, somos ambiciosos por cá e, portanto, queremos sempre mais e melhor. Queremos assinalar um marco histórico como este em grande, condizente com a grandiosidade que vemos na União Desportiva Oliveirense.

Antes que me digam que eu me “limitei” a ir ao jantar, terei que lembrar que há malta que trabalha e que não se pode dar ao luxo de vir todos os dias a casa, portanto, saltamos essa parte! 😊

Do conjunto de eventos que foram integrados no programa das comemorações, há duas coisas que eu gostava de comentar em detalhe: o Museu e, naturalmente, o jantar; e uma que me merece uma breve nota: o monumento/marco do centenário.

Relativamente ao “Museu” e confesso que me arrepia um bocadinho escrever a palavra, é evidentemente louvável que aquele espaço do pavilhão tenha sofrido obras de melhoramento e que agora possamos contemplar alguns dos troféus conquistados pelo clube. Isto é meritório e claramente uma melhoria em relação ao passado… Mas, convenhamos, quem batiza o espaço de Museu, nunca na vida foi a um Museu, certo? O espaço dos troféus da Oliveirense tem mérito, mas tem muito para melhorar.

O espaço não tem uma dinâmica expositiva, não há uma ordem de secção, uma ordem cronológica, qualquer enquadramento ou legenda. Se eu não tivesse pegado já naquela taça azul que se vê em frente à porta, nunca saberia que é a CERS do HP. Há lá um conjunto de taças que me deixaram curiosa, mas é impossível saber de que evento provêm. Na inauguração havia uma bola de futebol, no dia do jantar, já não. Não há camisola do HP (ou se há eu não descortinei). Aqui tenho, naturalmente, que lamentar que a Oliveirense não tenha conseguido fazer melhor (e não tire proveito da experiência profissional dos seus associados para fazer melhor).

Claro que esta sala dos troféus tem margem para ficar melhor, assim haja vontade.

Eu, pessoalmente, se estivesse à frente de algo assim, tornaria hábito que todas as equipas/atletas nas diferentes épocas fossem contribuindo para o engradecer do espólio do espaço que se quer museológico, mas não é, deixando uma camisola autografada por todos os intervenientes.

Nada a declarar sobre o apadrinhamento do espaço, mais do que justa a homenagem ao Comendador António da Silva Rodrigues.

Vejo, na ausência de uma exposição do Centenário, uma lacuna significativa do programa. Quando, há uns anos, levei a cabo, com a colaboração de muita gente, as conversas improváveis com a União Desportiva Oliveirense percebi que há um espólio enorme disperso na casa dos mais diversos Oliveirenses.

Depois, o notável jantar do Centenário. O Pavilhão foi de facto o melhor sítio para o evento, que certamente exigiu uma logística gritante. Desconhecia por completo que Ivo Costa fosse natural de Oliveira de Azeméis e, portanto, foi por isso uma boa surpresa. No geral o jantar em si foi digno, agradável (vá, tirando a parte em que estava a ficar tarde e eu estava a morrer de sono) e um momento histórico para cada um de nós que sente a Oliveirense. É um luxo, um privilégio estarmos cá neste centenário e não há, nem podia haver, qualquer divergência de opinião que nos levasse a ficar em casa. A União é muito mais do que qualquer um que, num dado momento, desempenhe um cargo ou função. A União era o único motivo para estarmos lá e, por isso, estivemos.

Sobre o jantar, primeiro, uma curiosidade minha, a da nomeação das mesas. Julgo que podia ter vindo acompanhada de um pequeno historial (no mínimo uma data), para enquadrar os nomes atribuídos. Mas isto sou eu que gosto sempre se saber mais! Acho que também seria uma brilhante homenagem se, nos próximos dias, o clube usasse as redes sociais para dar a conhecer os atletas (ou outros) que deram nome às mesas.

Coisas menos boas, a propósito do novo sócio número 1. O anterior sócio faleceu há algumas semanas e, julgo eu, seria bonito que a Oliveirense tivesse homenageado o seu falecido sócio convidando alguém da família a estar presente (pode ter convidado e terem recusado, mas a homenagem deveria ser feita na mesma) e, no mínimo, referindo o nome do senhor. A verdade é que foi pedido, pelo novo sócio nº1, um minuto de silêncio, mas o nome do sócio não foi referido, algo que julgo ser apenas da competência dos órgãos sociais.

Depois, houve uma estranha escolha nas homenagens. Claro que, nestas circunstâncias, achamos sempre que falta distinguir alguém, mas, por exemplo, não vi o Clube distinguir o Jornal Correio de Azeméis, o que me choca bastante. Houve alguma confusão entre presidentes de direção, outros órgãos sociais e secções que foram distinguidos e outros não, o que, honestamente, tenho dificuldade em compreender.

Gostava de ter visto neste centenário coisas que não vi, nomeadamente:

1 – Uma homenagem a Carlos Osório, Salvador Machado, Ápio Assunção e João Godinho. Se consideramos que estas pessoas foram tão representativas que merecem ter o seu nome associado aos espaços e torneios da UDO, então, a título póstumo, algum dos seus representantes deveria ter sido chamado e os seus feitos lembrados.

2 – Gostava que tivessem sido “escolhidos”, por votação (tipo nas redes sociais), os 11 ou 5 ou equivalente das modalidades da Oliveirense. Assim como me parece que há atletas e treinadores que têm marcos históricos no clube e que mereciam ser distinguidos.

3 – Teria sido bonito e sim, reconheço, trabalhoso, ver durante o jantar imagens históricas do clube ou até ir ouvindo curtas mensagens de ex jogadores da UDO. São eles que nos permitem fazer História. Também seria bonito que os primeiros jogadores de cada modalidade fossem recordados.

4 – Também senti falta que fossem distinguidos aqueles funcionários que eu sempre vi nos bancos da UDO – Sr. Zé Maria, o Sr. Zé (do pavilhão) e José França. Estas pessoas foram e são uns resistentes e deram muito ao clube e continuam a dar. Mereciam por isso uma nota de louvor. Pessoalmente, também me parece que as funcionárias da secretaria da oliveirense mereciam uma palavra neste Centenário. Não faço ideia quantos anos de casa têm, mas tenho a certeza que o trabalho que executam é feito com uma paixão desmesurada.

5 - O jantar da Oliveirense teria sido uma brilhante ocasião para abrir uma nova prática no clube e que eu acho lamentável ainda não ter sido “inaugurada”, especialmente no quadro em que queremos captar novos adeptos: A distinção dos associados por anos de casa. Pode ser algo básico, mas que demonstra que, para aquele clube, as pessoas contam!

Finalmente, uma breve nota sobre o marco na rotunda, para dizer que subscrevo a opinião dos que defendem a necessidade de estarem representadas todas as modalidades alguma vez praticadas na Oliveirense, optando por uma escala de cores diferente, por exemplo, mas se somos passado, presente e futuro, o passado merece muito ser lembrado para a posteridade, até porque o presente de ontem, hoje já é passado.

Respirem, isto não são ataques, são ideias e sugestões. São aquilo que eu gostava de ver neste clube. Temos muitos próximos aniversários e muitos dias até ao final do ano, para poder suprir algumas destas lacunas.

Ah, a propósito, subscrevo muito a necessidade da Oliveirense ter mais associados. Gostava muito de perceber a distribuição etária dos sócios e a distribuição por género. 1700 pessoas é muito pouco para um clube tão grande.

Arriscaria dizer que a maioria dos associados da Oliveirense tem mais de 55 anos. E, por isso mesmo, parece-me que a Oliveirense precisa de chegar aos mais jovens. Precisávamos de começar a ter práticas de envio de emails com a divulgação de atividades e eventos, precisávamos de começar a colocar nas redes sociais ou no site os produtos para venda (nem que numa fase inicial tivéssemos que ir pelo: encomenda por email e pagamento por transferência bancária). E sim, a sério que não lançamos, naquele jantar, merchandising oficial do Centenário?! Como não?!

Espero que o 110ª aniversário da Oliveirense possa ser marcado pela edição da história do clube até aos anos 2000. Os primeiros 45 foram escritos. Temos que continuar a construir a nossa memória coletiva!

Vá, se quiserem fazer prints peçam que eu envio o texto, são 3 páginas num word!!

União Sempre!!

 

E que gerou as reacçoes seguintes:

- Pelas vinte e um horas e cinquenta e um minutos, do dia trinta de Outubro de dois mil e vinte e dois CARLOS SILVA disse:

CarlosSilva.png

- Pelas vinte e duas horas e tres minutos, do dia trinta de Outubro de dois mil e vinte e dois MANUEL RAMOS disse: «...subscrevo!!!»

- Pelas vinte e duas horas e trinta e nove minutos, do dia trinta de Outubro de dois mil e vinte e dois CARLOS OSSELA disse:

CarlosOssela.png

- Pelas vinte e duas horas e quarenta e cinco minutos, do dia trinta de Outubro de dois mil e vinte e dois JOAO MIGUEL disse:

CarlosOssela.png

- Pelas vinte e tres horas e vinte e sete minutos, do dia trinta de Outubro de dois mil e vinte e dois CLAUDIO FERREIRA disse: «Subscrevo... 👍»

- Pelas vinte e tres horas e vinte e sete minutos, do dia trinta de Outubro de dois mil e vinte e dois CLAUDIO FERREIRA disse:

«👏👏👏»

- Pelas zero horas, do dia trinta e um de Outubro de dois mil e vinte e dois BRUNO SOARES disse: «Subscrevo e até vou mais longe! Julgo que este texto devia ser lido em voz alta já na próxima assembleia para que muitos dos assuntos pertinentes aqui mencionados merecessem ser verdadeiramente debatidos!»

- Pelas zero horas e cinquenta e sete minutos, do dia trinta e um de Outubro de dois mil e vinte e dois JOSE COELHO disse: «O site do clube atualizado também seria importante.»

- Pela uma hora e tres minutos, do dia trinta e um de Outubro de dois mil e vinte e dois ZE PAULO SILVA disse: «A última vez que comentei um post sobre a Oliveirense, nomeadamente sobre uma modalidade, fui proibido de entrar no pavilhão para acompanhar essa mesma modalidade (não me referi aos trabalhos que efetuei e nunca me foram pagos e nunca denunciei situações vergonhosas que presenciei), simplesmente me limitei a dar uma opinião sobre um jogo. Vou correr o risco de voltar a acontecer algo do género e voltar a sofrer represálias por parte de pessoas que de cultura desportiva têm ZERO! A Oliveirense tem gente muito capaz de fazer tudo isso que disseste e tu, tal como o Bruno Soares e mais uns quantos oliveirenses, são dotados de ferramentas e conhecimentos incríveis, que poderiam fazer do clube algo muito à frente... mas estão mesmo muito à frente! Em Oliveira de Azeméis, no que a desporto diz respeito, poucos, muito poucos são aqueles que conhecem mais realidades que eu... atrevo-me a dizer que apenas uma pessoa (Hermínio Loureiro) conhece MUITO MAIS realidades que eu. Isto apenas para dizer que vejo clubes de lugares e aldeias a trabalhar muito melhor e mais à frente que a Oliveirense... mas Oliveira de Azeméis tem a sorte de ter entre outros, o comendador António da Silva Rodrigues! Enquanto não for necessário o clube se reinventar para sobreviver, nada mudará!»

- Pelas sete horas e cinquenta e um minutos, do dia trinta e um de Outubro de dois mil e vinte e dois SOFIA GONÇALVES disse: «Gosto sempre tanto de ler as tuas palavras, Sara. E esta vez não é diferente a todas as outras. Uma vez mais vejo-me a concordar contigo, a assentir com a cabeça a cada nova frase. Só acrescento um pormenor, em relação ao recém “museu”, porque o mesmo realmente não segue nenhum padrão, ordem cronológica, memórias fotográficas que possam cativar à sua visita. Porque os troféus sempre estiveram lá expostos, no Salvador Machado, porque a divisão foi sempre a mesma, agora apenas iluminada e devidamente limpa e pintada. Ainda não o fui ver pessoalmente, também não me cativa para tal. Secalhar ainda lhe passo o olho quando for ver uma das modalidades. Mas para um clube centenário, esperava mais. Algo um pouco mais ambicioso, talvez um espaço ligeiramente maior, que demonstrasse a vontade em ter mais uns quantos, em mostrar mais uns quantos. Assim, parece apenas que estamos a contemplar o passado e, quando no futuro surgirem alguns, não vamos ter onde os colocar. Amassados entre os outros, talvez.»

 

Fernando Pêgas / Actualizado em 31-10-2022 às 13:06

JANTAR CENTENÁRIO UDO

30.10.22 | oliveirandoemazemeis

Na plataforma do facebook, no dia vinte e nove de Outubro de dois mil e vinte e dois, pelas quinze horas e quarenta e quatro minutos, a UNIÃO DESPORTIVA OLIVEIRENSE postou na sua pagina oficial, um conjunto de oitenta fotos, acompanhadas do texto  «🔴JANTAR CENTENÁRIO UDO🔵»

Algumas fotografias da gala de ontem.
Obrigado a todos os presentes que tornaram esta noite memorável…

 

311609264_558182126314594_6412638770921916155_n.jp

E que gerou as reacções seguintes:

- Pelas dezassete horas e oito minutos, do dia vinte e nove de Outubro de dois mil e vinte e dois, a ESCOLA LIVRE DE AZEMÉIS disse «Parabéns à UD Oliveirense»

 

E que gerou ainda as partilhas seguintes:

Na plataforma do facebook, no dia vinte e nove de Outubro de dois mil e vinte e dois, pelas vinte e duas horas e dois minutos, o Administrador do grupo privado OLIVEIRANDO ... EM AZEMÉIS partilhou na sua pagina oficial, o conjunto de oitenta fotos do JANTAR CENTENÁRIO UDO ...

BoloAniversario1c1.png

acompanhadas do texto «Estava para o não fazer, mas tendo em conta as várias considerações feitas à minha pessoa, sinto-me na obrigação de tentar responder a todos, de uma forma global e sintética ...

APAGAR A HISTÓRIA DO CLUBE E/OU ESCONDER MEMÓRIAS ...
NÃO VALE E É MUITO FEIO.
 
Se isto, é criticar por criticar, estamos conversados de vez.

 

E que gerou as reacções seguintes:

- Pelas vinte e duas horas e quarenta e cinco minutos, do dia vinte e nove de Outubro de dois mil e vinte e dois, FERNANDO PEGAS disse «Henrique Goncalves, outra vergonha notada por alguns foi a ausencia do autor do Hino da Oliveirense. Enfim ...»

- Pelas vinte e duas horas e cinquenta e seis minutos, do dia vinte e nove de Outubro de dois mil e vinte e dois, RUI AMORIM disse «Fernando Pegas, grato pelo teu reparo devo esclarecer que fui convidado, só que por motivos de agenda musical, não pude estar presente. Fica o reparo e o agradecimento. Um forte abraço»

- Pelas vinte e duas horas e cinquenta e nove minutos, do dia vinte e nove de Outubro de dois mil e vinte e dois, HENRIQUE GONÇALVES disse «Fernando Pegas, pois concordo consigo um centenário preparado ao pormenor enfim»

- Pelas vinte e tres horas e trinta e um minutos, do dia vinte e nove de Outubro de dois mil e vinte e dois, FERNANDO MANUEL ALMEIDA disse «Fernando Pegas, lamento informa-lo mas o hino foi tocado»

- Pelas zero horas e dois minutos, do dia trinta de Outubro de dois mil e vinte e dois, JOAO PAULO FERNANDES disse «Fernando Manuel Almeida ainda és de bom tempo dar tempo de antena.»

- Pelas zero horas e trinta e oito minutos, do dia trinta de Outubro de dois mil e vinte e dois, MANUEL SILVA disse «Meus caros parem lá de tentar procurar erros, omissões e por aí fora... tenham a coragem de assumir e não misturar as vossas incompatibilidade com pessoas ligadas ao clube. Esta direção trabalhou que se fartou para dignificar estas comemorações. Desde o presidente do clube, responsável pela seção de basquetebol, hoquei e até o presidente do conselho fiscal que nem teve tempo para comer devido a envolvencia do programa. Das 450 pessoas não há uma que saiu defraudada.»

- Pelas zero horas e cinquenta e um minutos, do dia trinta de Outubro de dois mil e vinte e dois, JOSE ANTONIO RODRIGUES disse «Fernando Pegas mais do mesmo. Criticar sem saber porquê. Enfim...»

- Pelas uma horas e vinte e sete minutos, do dia trinta de Outubro de dois mil e vinte e dois, FERNANDO PEGAS disse «Fernando Manuel Almeida, por favor não deturpe as minhas palavras. Esclareço que a referência feita, foi relativamente ao AUTOR DO HINO (que aliás já se pronunciou e bem) e não ao HINO DA OLIVEIRENSE (ser tocado ou não tocado). Fique bem.»

- Pelas uma horas e trinta e um minutos, do dia trinta de Outubro de dois mil e vinte e dois, FERNANDO PEGAS disse «Jose Antonio Rodrigues, Meu bom amigo, não vou responder. Pelo imenso respeito que tenho por ti.»

- Pelas oito horas e dezassete minutos, do dia trinta de Outubro de dois mil e vinte e dois, BRUNO MIGUEL REIS disse «Criticar só porque sim... Enfim cada vergonha que lê aqui... Bom domingo ilustres Oliveirenses 🔵🔴»

- Pelas dezoito horas, do dia trinta de Outubro de dois mil e vinte e dois, MANUEL RAMOS disse «Manuel Silva, pelo o que se vai lendo, não me parece que se tenha posto em causa todo o trabalho desenvolvido pelos membros da direção... O que se questiona, é numa celebração de um centenário, terem omitido algumas modalidades que já não são praticadas... Como já comentei em outro sitio, é uma questão de critérios, mas quando se fala da celebração de um centenário...»

- Pelas dezasete horas e oito minutos, do dia trinta e um de Outubro de dois mil e vinte e dois, FERNANDO PEGAS disse «Manuel Silva, pelo menos uma pessoa defraudada»

ManuelRomaResende.png

 

Fernando Pêgas / Actualizado em 31-10-2022 às 17:12

RECONHECIMENTO ...

30.10.22 | oliveirandoemazemeis

Na plataforma do facebook, e no dia vinte e nove de Outubro de dois mil e vinte e dois, pelas vinte e tres horas e vinte e quatro minutos, o Administrador do grupo privado OLIVEIRANDO ... EM AZEMÉIS postou na sua pagina oficial, a imagem abaixo, acompanhada do texto intitulado «RECONHECIMENTO ...»

A direção da UD Oliveirense entregou 25 medalhas de reconhecido.
Na foto, Horácio Bastos com a velha glória do futebol, André
 
 

UDO.AndreReconhecimento.png

 
SÓ VINTE E CINCO ... EM 100 ANOS DE HISTÓRIA ?
 
E ... PARA OS JÁ FALECIDOS,
NÃO HOUVE RECONHECIMENTO A TÍTULO PÓSTUMO ?!
 
Ou será que, dos "falecidos" ...
NENHUM FEZ TRABALHO DIGNO E SUFICIENTE
A JUSTIFICAR O RECONHECIMENTO
A TÍTULO PÓSTUMO ???
 
 
 
E que gerou as reacçoes seguintes:
 
- Pelas dez horas e cinquenta e seis minutos, do dia trinta de Outubro de dois mil e vinte e dois FATIMA DE SOUSA SILVA disse: «💯 👏👏👏»
 
- Pelas treze horas e vinte e um minutos, do dia trinta de Outubro de dois mil e vinte e dois ILIDIO TEIXEIRA GUIMARAES disse: «100% de acordo.»
 
- Pelas catorze horas e sete minutos, do dia trinta de Outubro de dois mil e vinte e dois LUIS ARAUJO disse: «Concordo»
 
- Pelas dezasseis horas e quarenta e quatro minutos, do dia trinta de Outubro de dois mil e vinte e dois MANUEL ROMA RESENDE disse: «Fiz parte do último elenco directivo do saudoso Prof. Costeira e fiquei desapontado/triste por os Presidentes já falecidos não terem sido homenageados a título póstumo na pessoa de um seu familiar assim como a não referência ao tênis e ao seu dinamizador João Carlos. Foram estes os factos para não colocar a cereja no topo do bolo. VIVA A UNIÃO DESPORTIVA OLIVEIRENSE»
 
- Pelas dezoito horas e quarenta e tres minutos, do dia trinta de Outubro de dois mil e vinte e dois ALBANO ROCHA disse: «Manuel Roma Resende ambos fizeram de tudo no clube; mas o Prof Costeira, então terá sido no meu modesto conhecimento o maior entre os maiores!»
 
- Pelas zero horas e onze minutos, do dia trinta e um de Outubro de dois mil e vinte e dois ARNALDO COSTEIRA disse: «De facto, em 100 anos, 15 são 15%, e na época o clube tinha 50 anos. Enfim. O meu pai nunca buscou as palmas da terra, recebeu-as quase todas no céu. Valem mais estes testemunhos sinceros, do que 100 medalhas de metal. O que fez, fez sempre por bem, por todos e por missão. Obrigado pela sua lembrança em nome da família. Forte abraço.»
 
- Pelas treze horas e nove minutos, do dia trinta e um de Outubro de dois mil e vinte e dois ALBANO ROCHA disse: «Arnaldo Costeira tive o grato prazer de trabalhar com ele na secção de hóquei onde era treinador. Foi Presidente do clube e vi-o andar a bater a portas a pedir, não para ele, mas para a UDO. Um HOMEM grande, como poucos. Portista assumido vi-o por em sentido o então presidente das atividades amadoras do FCPorto, Sr Ilídio Pinto, que muito o respeitava, ao chapar-lhe com outros o cartão de sócio do fcp nas trombas, quando nume acesa discussão no final dum jogo na eira, aquele pretendia menorizar a UDO.»
 
 
 
Fernando Pêgas / Actualizado em 31-10-2022 às 13:20

Seria interessante que a Oliveirense fosse publicando os nomes atribuídos às mesas.

30.10.22 | oliveirandoemazemeis

Na plataforma do facebook, e no dia trinta de Outubro de dois mil e vinte e dois, pelas quinze horas e oito minutos, SARA ALMEIDA DA SILVA postou na sua pagina pessoal, a imagem abaixo, acompanhada do texto «Na sexta-feira acabou por nos sair na rifa a mesa 32, nomeada "José Gentil".

Confesso que não fazia ideia de quem era o senhor, mas afinal alguém sabia.. esta foto, da equipa do Beira-Mar tem o meu avô, enquanto treinador, e José Gentil, enquanto jogador... Há coisas do caraças!!

Seria interessante que a Oliveirense fosse publicando os nomes atribuídos às mesas. Talvez mais curiosidades viessem ao de cima!! 🙂

SaraAlmeida.png

E que gerou as reacçoes seguintes:

- Pelas quinze horas e dezasseis minutos, do dia trinta de Outubro de dois mil e vinte e dois JOAO PAULO CALDEIRA disse: «E o teu Tio-Avô Hernâni ao lado do teu Avô. Acho que era o Diretor do Beira-Mar.»

- Pelas quinze horas e dezanove minutos, do dia trinta de Outubro de dois mil e vinte e dois SARA ALMEIDA SILVA disse: «Joao Paulo Caldeira era, diretor da seção de hóquei, não sei se era assim designado o cargo, mas aparentemente o meu avô levou vários jogadores da UDO com ele.»

- Pelas quinze horas e vinte e um minutos, do dia trinta de Outubro de dois mil e vinte e dois JOAO PAULO CALDEIRA disse: «Sara, era isso mesmo.»

- Pelas quinze horas e vinte e oito minutos, do dia trinta de Outubro de dois mil e vinte e dois RICARDO ABRANTES disse: «Obrigado Sara Almeida Silva ! Nunca tinha visto uma foto destas! Lembro-me do meu avô me levar aos treinos de hóquei no jardim de aveiro.»

- Pelas quinze horas e trinta e nove minutos, do dia trinta de Outubro de dois mil e vinte e dois DIOGO CALDEIRA disse: «São os 4º e 5º da fila de cima a contar da esquerda certo?»

- Pelas quinze horas e quarenta minutos, do dia trinta de Outubro de dois mil e vinte e dois SARA ALMEIDA SILVA disse: «Diogo Caldeira sim»

- Pelas quinze horas e quarenta e dois minutos, do dia trinta de Outubro de dois mil e vinte e dois JOANA LARANJO ABRANTES disse: «Tesourinhos😁»

- Pelas quinze horas e quarenta e dois minutos, do dia trinta de Outubro de dois mil e vinte e dois RICARDO ABRANTES disse: «Sabes de que ano é a foto?»

- Pelas quinze horas e quarenta e oito minutos, do dia trinta de Outubro de dois mil e vinte e dois ZE PAULO SILVA disse: «Quando comecei a jogar, o teu avô era uma voz muito ativa e dava-me grandes conselhos... foi das pessoas que marcou desportivamente a minha infância.»

- Pelas dezasseis horas e dezasseis minutos, do dia trinta de Outubro de dois mil e vinte e dois SARA ALMEIDA SILVA disse: «Ricardo Abrantes não sei, não está datada, mas sei que pelo menos em 73 e 74 o meu avo treinava o beira mar. Deve ser dessa altura»

- Pelas dezasseis horas e dezassete minutos, do dia trinta de Outubro de dois mil e vinte e dois SARA ALMEIDA SILVA disse: «Ricardo Abrantes

SaraAlmeida1.png

- Pelas dezasseis horas e dezassete minutos, do dia trinta de Outubro de dois mil e vinte e dois SARA ALMEIDA SILVA disse: «Zé Paulo Silva não fazia ideia 😮»

- Pelas dezasseis horas e cinquenta e oito minutos, do dia trinta de Outubro de dois mil e vinte e dois OLIMPIO COSTA disse: «Sara, talvez um pouco antes de 1973/1974 começou começou a história do Beira-Mar no Hoquei em Patins, através do Dr. Maia Seco. Muitos atletas de Oliveira de Azeméis foram para lá jogar. Se a memória não me atraiçoa, para além do teu avô, o Tavares, o Marcelino e um dos guarda-redes que estão nesta foto. Presumo que o José Gentil não jogou no Beira-Mar. Foi atleta da UDO no tempo do Zeca e do Pardal.»

- Pelas dezassete horas e seis minutos, do dia trinta de Outubro de dois mil e vinte e dois SARA ALMEIDA SILVA disse: «Olimpio Costa algum irmão terá jogado lá? Eu obviamente não tenho memória mas o 3 da fila de cima foi identificado como sendo ele.. mas se tivesse algum irmão, também podia ser 😉»

- Pelas dezassete horas e dezanove minutos, do dia trinta de Outubro de dois mil e vinte e dois MANUEL RAMOS disse: «Olimpio Costa também penso que Gentil não jogou no Beira-Mar... Jogou na ADS e UDO.»

- Pelas dezassete horas e trinta e cinco minutos, do dia trinta de Outubro de dois mil e vinte e dois OLIMPIO COSTA disse: «Pois isso não sei Sara. O José Gentil da UDO, penso que também jogou na Sanjoanense e não sei se acompanhou o Zeca para os Relógios Invicta. Sei que o Gentil jogou por uma Selecção da Associação de Patinagem do Porto (1983?), o nº 7 da foto em baixo, que fez uma digressão a Àfrica do Sul e que presentemente, no escalão de Veteranos, representa a Escola Livre de Azeméis.»

OlimpioCosta1.png

- Pelas dezoito horas e dois minutos, do dia trinta de Outubro de dois mil e vinte e dois OLIMPIO COSTA disse: «Sara, aqui vai uma foto da ADS onde estão atletas que representaram também a UDO: Rui Conceição, Genti, Hélder e Zeca.»

OlimpioCosta1a.png

««« xxx »»»

Na plataforma do facebook, e no dia trinta de Outubro de dois mil e vinte e dois, pelas dezanove horas e trinta e oito minutos, o Administrador do grupo privado OLIVEIRANDO EM AZEMÉIS postou na sua pagina oficial pessoal, a noticia do seu site intitulada «Seria Interessante que a Oliveirense fosse publicando os nomes atribuídos às mesas»

OAz.SeriaInteressante.png

E que gerou as reacçoes seguintes:

- Pelas vinte e duas horas e onze minutos, do dia trinta de Outubro de dois mil e vinte e dois RUI HERNANI CONDE disse: «Uma das boas surpresas da noite. Mesas a prestigiar fuguras marcantes da história da nossa UDO.»

 

Fernando Pêgas / Actualizado em 31-10-2022 às 00:32

ESCANDALOSAMENTE ...

30.10.22 | oliveirandoemazemeis

Na plataforma do facebook, e no dia vinte e nove de Outubro de dois mil e vinte e dois, pelas vinte e tres horas e um minuto, o Administrador do grupo privado OLIVEIRANDO ... EM AZEMÉIS postou na sua página oficial, as imagens abaixo, acompanhadas do texto intitulado «ESCANDALOSAMENTE ...»

Oliveirense-100-anos-jantar-1--2048x1536.jpg

no Bolo de Aniversario dos 100 Anos de Historia da UDO "apenas" cinco modalidades (Hoquei, Ciclismo, Futebol, Natacao e Basquetebol) é que tiveram o direito de estarem representadas.

BoloAniversario1.png

BoloAniversario1a.png

 

E que gerou as reacções seguintes:

- Pelas vinte e três horas e tres minutos, do dia vinte e nove de Outubro de dois mil e vinte e dois RUI PEDRO AZEVEDO disse: «Parabéns🎉🎊»

- Pelas vinte e três horas e vinte e tres minutos, do dia vinte e nove de Outubro de dois mil e vinte e dois LAURINDA NEVES disse: «Parabéns🎉🎊»

- Pelas zero horas e quarenta e seis minutos, do dia trinta de Outubro de dois mil e vinte e dois MANUEL SILVA disse: «Meu caro Fernando admiro a sua persistência na crítica negativa... mas o bolo estava excelente ... o repasto ótimo... só houve uma coisa negativa... aí dou lhe a mão a palmatória... faltou a mesa número 48 a mesa dos críticos que quase ou nada fazem pelo clube que já atingiu um século»

- Pelas cinco horas e cinquenta e tres minutos, do dia trinta de Outubro de dois mil e vinte e dois MARIA JULIA BASTOS disse: «Parabéns❤❤❤»

- Pelas doze horas e onze minutos, do dia trinta de Outubro de dois mil e vinte e dois MARCO SILVA disse: «Como foi possível o Sr. Fernando não ter estado presente neste grandioso evento... 🥱🥱🥱»

- Pelas treze horas, do dia trinta de Outubro de dois mil e vinte e dois MANUEL RAMOS disse: «...critérios!!!»

- Pelas treze horas e quarenta e um minutos, do dia trinta de Outubro de dois mil e vinte e dois FERNANDO PEGAS disse: «Marco Silva, quer saber mesmo ? É simples ... Como forma de protesto. E sei de mais uns quantos, que tambem não foram, pela mesma razão.»

- Pelas treze horas e quarenta e oito minutos, do dia trinta de Outubro de dois mil e vinte e dois MARCO SILVA disse: «Fernando Pegas, se toda a gente protestar como você protesta, todos parecem os Velhos do Restelo a protestar 😂»

- Pelas dezasseis horas e um minutos, do dia trinta de Outubro de dois mil e vinte e dois FERNANDO PEGAS disse: «Meu caro Manuel Ramos, começo por respeitar a tua análise ou perspectiva analitica de "...critérios!!!".

Mas, não posso concordar.

Porque, na qualidade de "Velho do Restelo" ... (como o "jovem" Marco Silva me denominou desrespeitosamente, em virtude de não me conhecer de lado nenhum), tenho sérias dificuldades em aceitar "por concordância" com certos episódios que possam conduzir a qualquer tipo de BRANQUEAMENTO DA NOSSA MEMÓRIA COLECTIVA e/ou episódios que possam conduzir a qualquer tipo de APAGAMENTO PARCIAL OU TOTAL DA HISTÓRIA DOS 100 ANOS DA UNIÃO DESPORTIVA OLIVEIRENSE.

E ainda por cima, quando certos episódios já são reincidentes, como é o caso concreto em apreço. Pois, episódio idêntico ou semelhante aconteceu na quarta feira passada, aquando da Inauguração do Marco Centenário, em as simbologias de certas modalidades já praticadas, simplesmente foram OMITIDAS ou NÃO RECONHECIDAS.

Isto para mim, É APAGAR PARTE DA HISTÓRIA DOS 100 ANOS DA UDO e/ou da NOSSA MEMÓRIA COLECTIVA. Obviamente, que não me calarei. Disse.»

- Pelas dezasseis horas e dezoito minutos, do dia trinta de Outubro de dois mil e vinte e dois MANUEL RAMOS disse: «Fernando Pegas, no meu comentário, limitei-me a dizer "critérios", não quer dizer que concorde com o que foi feito...O festejo de um centenário, é (ou deveria ser) algo de muito especial e seria o momento para recordar todo o historial do Clube e, tentar juntar (dentro do possível) todas as "Velhas Glórias" que, de uma maneira, ou de outra contribuíram para o que o Clube é, sejam eles ex- atletas ou ex- diretores. O que sei, é o que vou lendo e, a ser verdade, também lamento que se tenham esquecido de algumas modalidades... Abraço!»

- Pelas dezasseis horas e dezanove minutos, do dia trinta de Outubro de dois mil e vinte e dois FERNANDO PEGAS disse: «Ainda a propósito do Bolo de Aniversário da História dos 100 Anos da União Desportiva Oliveirense, e já hoje ... alguém me chamou a atenção, para a foto abaixo, dizendo-me que na hora do Corte do Bolo de Aniversário, houve "Mãos a mais ou a menos".

Pode ser uma imagem de 3 pessoas, pessoas em pé e texto que diz "o bolo de aniversário dos 100 anos da UD Oliveirense foi partido a 5 mãos."

Porque as mãos do Representante do Futebol estão a mais. Ou em alternativa, estão a faltar as mãos dos Representantes do Basquetebol e do Hoquei em Patins, também presentes no evento. Em suma, ERROS PROTOCOLARES que não deviam acontecer.»

- Pelas dezasseis horas e vinte e nove minutos, do dia trinta de Outubro de dois mil e vinte e dois FERNANDO PEGAS disse: «Manuel Ramos, assim sendo, e se o me permitires, ASSINO POR BAIXO.»

- Pelas dezassete horas e trinta e seis minutos, do dia trinta de Outubro de dois mil e vinte e dois MARCO SILVA disse: «Fernando Pegas Peço desculpa por lhe ter servido carapuça, mas em momento algum lhe denominei nesse sentido! Mas a maneira como o senhor fala e critica tudo e todos é de quem tem muito ódio dentro de si. E depois são os membros do Coletivo XXII que incitam ao ódio no desporto, quando você está a incitar ao ódio social e ainda pra mais atrás de um telemóvel ou de um PC. Mas, deixo aqui desde já que se quiser marcar um café e passar a conhecer a minha pessoa tenho todo o gosto em aceitar o seu convite e assim nos conhecermos pessoalmente e trocarmos pessoalmente as nossas ideias e ideais e tentar chegar a um consenso. Fica aqui lançado o desafio! Um abraço Sr. Fernando.»

 

Fernando Pêgas / Actualizado em 30-10-2022 às 16:37

Oliveirense vai cativar crianças da 'Soares Basto' para o hóquei

29.10.22 | oliveirandoemazemeis

Na plataforma do facebook, e no dia vinte e oito de Outubro de dois mil e vinte e dois, pelas dezasseis horas e cinquenta e sete minutos, o CORREIO DE AZEMÉIS + AZEMÉIS FM/TV postou na sua pagina oficial, a noticia do seu site CORREIO DE AZEMÉIS.PT  intitulada «Oliveirense vai cativar crianças da 'Soares Basto' para o hóquei» 

CA.Protocolo1.png

A diretora do Agrupamento de Escolas Soares Basto, Maria José Cálix, e o vice-presidente da Oliveirense, António Valente, assinaram o protocolo de colaboração

CA.Protocolo.png

A Oliveirense vai levar, ao longo deste ano letivo, cerca de 270 crianças do pré-escolar e do 1º e 2º ano ao Pavilhão Dr. Salvador Machado para se iniciarem na prática do hóquei em patins. O objetivo é cativar crianças para os escalões de iniciação no clube.

A Oliveirense e o Agrupamento de Escolas Soares Basto assinaram, esta sexta-feira, um protocolo de colaboração que vai colocar em prática o projeto ‘Azeméis a patinar, criar e brincar’, que, de acordo com o clube unionista, visa a sensibilização e educação da população alvo para a modalidade e vai permitir o contacto dos mais novos com as referências do hóquei em patins unionista. Com esta parceria, revela ainda o clube centenário numa publicação nas redes sociais, a Oliveirense pretende "aumentar o número de praticantes de hóquei em patins no concelho de Oliveira de Azeméis e desenvolver no concelho um projeto de responsabilidade social para a promoção e prática desportiva através da modalidade do hóquei em patins".

O projeto tem início na próxima quinta-feira, dia 3 de novembro, e será desenvolvido ao longo do ano letivo 2022/2023 no Pavilhão Dr. Salvador Machado com as seguintes escolas básicas de 1º Ciclo: Escola Básica Comendador António da Silva Rodrigues; Escola Básica nº 1 de Oliveira de Azeméis; Escola Básica nº 4 de Oliveira de Azeméis; Escola Básica de Madail; e Escola Básica Cruzeiro nº 1, Alvão, Macinhata da Seixa.

“Com a assinatura deste protocolo pretendemos chamar as crianças a praticar a modalidade na Oliveirense para salvaguardar o futuro do clube", afirmou o vice-presidente para a modalidade do hóquei em patins da Oliveirense, António Valente, dando conta da necessidade de mais um pavilhão em Oliveira de Azeméis para a prática desta modalidade. Maria José Cálix, diretora do Agrupamento de Escolas, confessou-se agradada com este protocolo, tendo em conta que "a prática desportiva é sempre importante para o crescimento dos miúdos".

“O protocolo nasce do facto da Oliveirense precisar de crianças para a formação e em colaboração com o Agrupamento decidimos proporcionar aos miúdos uma primeira abordagem da patinagem para que, no futuro, eles sigam para o treino e para os escalões da formação da Oliveirense”, explicou, na mesma publicação nas redes sociais do clube, o treinador responsável pelo projeto, José Carvalho.

 

   E que gerou  as reacções seguintes:   

 

- Pelas dezoito horas e quarenta e cinco minutos, do dia vinte e oito de Outubro de dois mil e vinte e dois, DANIELA SILVA disse: «Para quê, pra quando não interessar dispensarem?!? Eles que vão buscar equipas fora como fizeram com os sub 13 e afins.... Pra mim desculpem mas foram uma desilusão.... cada um tem opinião e esta é a minha por factos reais e vivenciados»

- Pelas vinte e tres horas e um minutos, do dia vinte e oito de Outubro de dois mil e vinte e dois, JULIANA DUARTE disse: «Para mim é uma autêntica palhaçada. Não se brinca com as crianças como o fizeram.»

- Pelas vinte e tres horas e cinquenta e seis minutos, do dia vinte e oito de Outubro de dois mil e vinte e dois, JORGE COELHO disse: « A sério???? Esta seção, este Sr, é responsavel por, em plena pandemia, maio 2019; quando toda a formacao do clube e todos nós estavamos em isolamento, no regresso aos treinos, escaloes sub13( crianças jovens de 11 anos para cima!,,), sub15, sub 17, foram convidados a abandonar o clube ( equipas COMPLETAS que tao bem nos representaram em campeonatos nacionais descartados como se fossem um ativo tóxico que …deixou de servir…sem hipotese de mostrarem o seu valor no confronto direto com os “novos companheiros”…. de há tres anos a esta parte com a chegada de um tecnico k mais nao faz k ir buscar jovens fora de oaz de enorme talento e talent€€€€ sem dúvida….( será que na terra do hoquei os nossos jovens sao todos toscos?????????? Nao será isto bullying???? Sra diretora da escola, vá aos arquivos e veja onde andam os miudos k outrora foram pescados na escola por ex do Outeiro, no Pinto Carvalho , na Fonte joana….onde eu proprio com jogadores seniores fomos cativar jovens…hoje com 11 anos e que …deixaram de servir…tem este sr a ideia do sofrimento que provocou a estes jovens???? é isto formação????? 

Tem o Sr coragem de fazer isto a filhos dos seus diretores?…..nao k dói!!!!!
Comunicaçao social … Porque nao perguntam porque razao na terra do hoquei acima dos sub 13 … temos talvez 1 ou 2, sim …1 ou 2 atletas da terra…. porque razao vamos a uma competicao de jovens, ganhamos uma final sem UM UNICO ATLETA DA TERRA???? Têm os oliveirenses ideia do custo k isto tem???? Nao…nao me refiro aos custos financeiros, mas sim a outros bem piores…. Fico-me por aqui…
Sr Antonio Rodrigues ….o SR é tão BOA PESSOA, do melhor que existe…tem…conhecimento que patrocina tudo disto??????????? Eu duvido….
Peço desculpa pela desabafo mas ….quem nao se sente…. Socio 444»

 

- Pelas dez horas e dez minutos, do dia vinte e nove de Outubro de dois mil e vinte e dois, MARCO PINHO disse: «Eles são uma vergonha e depois do que fizeram aos miúdos dos sub13 /sub15/sub17 e por aí fora,agora ainda teem a cara de lata de se virem vangloriar deste feito para que ??? Para quando chegarem as idades como no caso do meu filho serem mandados embora como lixo ??? Lixo são eles que ainda vêem dar estás notícias para mostrarem ainda mais a vergonha que são ..... UDO NUNCA MAIS NEM QUE FOSSE A ULTIMA EQUIPA DO MUNDO»

- Pelas onze horas e dezoito minutos, do dia vinte e nove de Outubro de dois mil e vinte e dois, JORGE COELHO disse: «D Maria jose Calix, informe-se junto do professor que coordena o projeto, o que tem sucedido aos jovens desde 2019 até à data da Oliveirense hoquei em Patinn ...alguns deles sao alunos do seu agrupamento e hoje jogam e com muito valor noutras equipas mas foram descartados nao a nnivel individual mas EQUIPAS COMPLETAS , miudos com entre os 11 e 15 anos ...parece-lhe normal tal violencia nestas idades? indague sobre a situação na sua associaçao de pais também...conhece algumas destas caras?Equipa sub 15 ano 2019 - TOTALMENTE CONVIDADA A SAIR PARA UM PSEUDO CLUBE SATELITE CUCUJAES onde os miudos que aceitaram foram para o clube com a promessa de continuarem a ser acompanhados pela udo para a sua evolução mas após o "envio da mercadoria" a udo nunca mais quis saber deles ....na terra do hoquei nao aproveitamos ninguem da prata da casa ...prova disso a final europeia ganha pelo clube em que nao havia um unico , repito um unico representante da nossa cidade, formado na oliveirense ...estranho não? talvez não ...

Pode ser uma imagem de 12 pessoas

- Pelas onze horas e dezanove minutos, do dia vinte e nove de Outubro de dois mil e vinte e dois, JORGE COELHO disse: «equipa sub 13 2019 totalmente convidada a sair para o cucujaes com igual sorte do comentado abaixo. e sim o meu filho é um deles ... andava na udo desde os 3 anos e aos 11 teve esta bela surpresa do meu clube do nosso clube ,,,»

Pode ser uma imagem de 11 pessoas e pessoas em pé

- Pelas doze horas e um minutos, do dia vinte e nove de Outubro de dois mil e vinte e dois, FATIMA COELHO disse: «Esta notícia até tem uma certa piada… CATIVAR MIÚDOS para a modalidade do Hóquei em Patins?! Para quê? Para os mandar embora com 11 anos….Porque o sr coordenador apenas quer os seus jogadores vindos de outros clubes? Os da terra nada valem… a Azeméis TV já teve por várias vezes a oportunidade de perguntar aos dirigentes da seção do HP, o porquê de nao haver atletas da terra nas camadas de sub13; sub15, sub 17 e por aí fora e nunca o fez?! Porque será? Os meus filhos treinaram na UDO desde os 4 anos, e foram despachados pela direção do HP, eles e todos os outros colegas de equipa. Para continuar na modalidade tiveram que rumar a clubes vizinhos… a quem agradeço ao HACambra por os ter recebido tão bem! Não acreditem Pais Oliveirenses nesta notícia!!! É mentira… como mãe se tivesse miúdos pequeno iria influenciá-los a experimentar o Basquetebol… isso sim é formação! Até dá vontade de rir! TENHAM VERGONHA srs dirigentes do Hóquei em Patins!»

 

 

Fernando Pêgas / Actualizado em 29-10-2022 às 21:18

Pág. 1/5